Compartilhar, , Google Plus, Pinterest,

Imprimir

Publicado em:

Guará apresenta Farsa da Boa Preguiça

Grupo de teatro da PUC Goiás encena peça neste domingo, no Festival Prosa Sonora

© by Divulgação

(Texto: Eliani Covem)

O Grupo de Teatro Guará, da Coordenação de Arte e Cultura (CAC) da PUC Goiás, apresenta no próximo domingo, 4 de novembro, às 18 horas, a peça Farsa da Boa Preguiça, no Festival Prosa Sonora, no Teatro do Sesi, no Setor Santa Genoveva, com entrada gratuita.

Da obra de Ariano Suassuna, A Farsa conta a história do poeta preguiçoso Joaquim Simão, um pobre, mas bem-aventurado com suas condições. Aderaldo, seu vizinho rico e avarento, quer a todo custo por meio de sua riqueza conquistar a mulher do poeta, inconformado com a alegria de Joaquim Simão diante da pobreza. Já o poeta é tentado pela beleza de Clarabela, esposa de Aderaldo, recém-chegada da cidade grande, uma falsa intelectual aparentemente conhecedora dos problemas formais e “conteudísticos” da arte.

De acordo com o diretor do Grupo Guará, Salmuel Baldani, a peça “é um elogio ao ócio criador, com contornos de crítica social sem perder o humor, a agilidade, o colorido e as referências ao sagrado e ao profano”. O espetáculo é apresentado desde 2013, tem duração de 60 minutos e classificação livre.

O Festival Prosa Sonora, iniciado em 2015, vai de 2 a 4 de novembro no Teatro do Sesi e conta com shows, discotecagens, teatro e oficinas, além de apresentações voltadas exclusivamente para o público infantil juvenil. O encerramento será no domingo com dois espetáculos teatrais: Os Saltimbancos, com o Grupo Arte em Cena e A Farsa da Boa Preguiça, com o Grupo Guará.