Compartilhar, , Google Plus, Pinterest,

Imprimir

Publicado em:

Mostras movimentam semana científica

Evento da Geografia ocorre até esta quarta-feira, 6, na Escola de Formação de Professores e Humanidades (EFPH) da instituição

© by Jota Junior

Uma mostra sobre a história dos grandes pensadores mundiais e uma exposição sobre a origem e da distribuição regional de cultivares importantes para o campo e  para a economia brasileira deram o tom do primeiro dia da semana científica do curso de Geografia da PUC Goiás, na noite desta terça-feira, 5. O evento foi montado no Hall da Escola de Formação de Professores e Humanidades (EFPH) e integra todas as atividades deste módulo, que debateu a geografia agrária.

A profa. Oyana Rodrigues dos Santos, que ministra Epistemologia da Geografia, lembra que a semana conta com a participação ativa dos estudantes. “Eles têm que lidar com questões relacionadas à montagem, precisam estar na hora certa e no lugar certo”, explica. Em banners, os grupos de acadêmicos apresentam a história e as pesquisas de pensadores mundiais bem como suas contribuições para a Geografia. “Os alunos são avaliados em sua performance e interagem com o público com competência conceitual”, frisa.

O prof. Roberto Malheiros, responsável pela exposição dos alimentos e pela doação de mudas durante a semana científica, frisa que os graduandos – futuros docentes – poderão replicar o modelo de evento em suas futuras escolas. “Os alunos conhecem a biogeografia, a origem e a distribuição geográfica dessas plantas. Em relação à licenciatura, tanto no Ensino fundamental tanto no Médio, eles vão trabalhar com a agricultura e vão poder produzir na sala de aula assim que formarem”, detalha.

Projeto integrador

A coordenadora de Geografia, profa. Ângela Dantas, explica que a semana científica faz parte do projeto integrador do curso. Ao longo do semestre, cita ela, diversas atividades foram realizadas, entre palestras sobre agrotóxicos e sobre impacto da ação do homem no Cerrado; visita a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e ao Instituto do Trópico Subúmido (ITS).

Na Jornada da Cidadania, o curso participou da Estação do Meio Ambiente, com a distribuição de mudas e orientação técnica; do Quilombo Cultural; e também realizou uma pesquisa sobre agrotóxicos com o público, que será divulgada em breve, em seminário interno.

Participação

Acadêmico do 2º período, Eduardo Souza mudou até os hábitos alimentares após cursar o módulo ministrado neste semestre. “Percebi que comer carne vermelha não era tão bom assim nem para mim, nem para o ambiente”, explicou ele, que participou da distribuição de mudas durante a Jornada da Cidadania.

O acadêmico avalia que participar de eventos como a Semana Científica e a Jornada ajuda os alunos a se desenvolverem as habilidades de comunicação, que serão bastante demandas na rotina docente.

Programação

A Semana Científica da Geografia segue nesta quarta-feira, 8. Às 19 horas, ocorre o Sarageo, sarau com apresentações dos acadêmicos, que celebra também  o Dia do Geógrafo, comemorado em 29 de maio.