Compartilhar, , Google Plus, Pinterest,

Imprimir

Publicado em:

Universidade acolhe alunos da rede pública de ensino

Projeto PUC abre as portas faz uma ponte da academia com os jovens que estão prestes a fazer o Vestibular

© by Jota Júnior

Mais de 80 alunos do Colégio Estadual Onofre Quinan visitaram nesta segunda-feira, 2, os laboratórios Morfofuncional e de Anatomia da PUC Goiás, situados na Área 5 (Setor Universitário), que atendem os cursos na área da Saúde. O evento integra o projeto PUC abre as portas, iniciativa da Comissão de Admissão Discente (CAD) que faz uma interface com estudantes do ensino médio, estimulando o ingresso no ensino superior.

Os alunos estavam acompanhados da profa. Lauriane de Lourenço, egressa do curso de Biologia da instituição. Alguns de seus ex-alunos, inclusive, são acadêmicos do curso e atualmente são destaque na graduação. “Como foram alunos de escola pública e ingressam numa universidade deste porte, com o futuro já traçado, é o que me dá forças para continuar, porque sei que a educação rende muitos frutos”, declarou a professora.

Além da visita, ela teve a oportunidade de lecionar uma aula de Biologia nos laboratórios da instituição, de forma a aprofundar o conteúdo estudado em sala: “consegui mostrar as peças do laboratório de Anatomia, sanei uma série de dúvidas que, por falta de recursos físicos e didáticos nas escolas nós não conseguimos mostrar e saí daqui satisfeita”, complementou.

A coordenadora do projeto, profa. Thelma Perini, explicou que, atualmente, a CAD tem ampliado a agenda de visitas nas escolas situadas próximas ao Câmpus II da instituição, situado no Jardim Mariliza. O intuito do projeto é mostrar aos estudantes as oportunidades de bolsas que eles podem conseguir durante a graduação. Além de acolher os jovens, a Comissão também faz divulgação, in loco, nos colégios com materiais de divulgação sobre as formas de ingresso, além de disponibilizar provas de vestibulares anteriores que possam auxiliar como suporte para simulados.

Experiência aprovada
A visita despertou o interesse de alguns estudantes para o curso de graduação em Biologia. O laboratório de Anatomia foi o principal atrativo para os jovens. “Nessas horas a gente vê como a natureza é perfeita, o corpo humano parece um quebra-cabeça”, analisou a aluna Nathália Vieira. A estudante Jhade Araújo, que visitou o laboratório do curso de Farmácia, se identificou com a área da Saúde e pretende fazer o curso de Biologia para tentar uma carreira futuramente como perita. Escolas interessadas em realizar uma visita na instituição podem entrar em contato com a CAD pelo telefone: 3946-1058.