Compartilhar, , Google Plus, Pinterest,

Imprimir

Publicado em:

Na Santa Casa, voluntários recepcionam pacientes com abraços e café da manhã

Hospital faz diligências para implementar um setor de voluntariado

Os pacientes que buscavam atendimento nesta sexta-feira (1º), na Santa Casa de Misericórdia de Goiânia, hospital-ensino da PUC Goiás, foram surpreendidos logo cedo com um delicioso café da manhã, servido a cerca de 250 pessoas. Às 5h20, profissionais da equipe multidisciplinar e voluntários já estavam de prontidão para recepcionar os usuários com abraços e palavras de carinho, motivação e esperança.

Foram oferecidos cachorro quente, bolacha, chá, suco e um cafézinho para aquecer o corpo nesta sexta-feira chuvosa em Goiânia. Doze pessoas estiveram envolvidas na iniciativa, inclusive voluntários da ONG Operários do Bem, parceira da Santa Casa na ação.

Nesta nova gestão, conduzida pela superintendente-geral, dra. Irani Ribeiro de Moura, que é pró-reitora de Saúde da PUC Goiás, o hospital está implementando uma área exclusiva de voluntariado e já conta com o apoio da população para manter a unidade de portas abertas, atendendo moradores da capital, do interior de Goiás e até de outros estados. “Estamos em um processo de sensibilização do governo, gestores públicos e do Ministério da Saúde para buscar auxílio e resgatar a estabilidade da Santa Casa de Goiânia”, comenta Irani.

Só na manhã de hoje, foram realizados na unidade 252 agendamentos e confirmações de consultas; 62 exames laboratoriais; 50 agendamentos de exames; 20 entregas de exames de diagnóstico; e 33 confirmações para raio-x.

Texto: Assessoria de Comunicação (Ascom) da Santa Casa de Misericórdia de Goiânia