Compartilhar, , Google Plus, Pinterest,

Imprimir

Publicado em:

Nutrição integra acadêmicos e profissionais em série de eventos

Programação faz parte do Seisan, realizado anualmente

© by Jota Junior

Até amanhã, 4, estudantes e egressos do curso de Nutrição da Escola de Ciências Sociais e da Saúde da PUC Goiás, além de profissionais e pesquisadores da área, estarão reunidos na Área 4 da instituição, no Setor Leste Universitário. Os grupos participam de eventos que ocorrem concomitantemente: o 12º Seminário Integrado de Segurança Alimentar e Nutricional (Seisan), o 7º Encontro de Egressos de Nutrição da PUC Goiás, o 4º Workshop de Nutrição Materno-Infantil e a 2ª Mostra Científica de Nutrição.

Organizado pela universidade, por meio da coordenação do curso e do Centro Acadêmico Sueli Essado Pereira, o Seisan tem o apoio de diversas empresas e a participação de centenas de pessoas. Maior evento do grupo, o Seminário tem como tema central a segurança alimentar nutricional na doença e na saúde intestinal, discussões “em alta”, como confirma a presidente do C.A. Ester Salvador. “Tem sido muito discutido, inclusive com o apoio de pesquisas, como o intestino regula muita coisa no nosso corpo”, complementa.

Para a primeira palestra, Tânia Aparecida de Castro representou o Conselho Federal de Nutricionistas discutindo o papel do profissional na saúde e na doença. “Falo também, claro, da política nacional para a área”, explica. Como foco, a nutricionista abordou as relações entre a alimentação e as doenças crônicas não transmissíveis, como o câncer, o diabetes e doenças respiratórias e cardiovasculares. “A vida urbana tem trazido essa prevalência de doenças crônicas no Brasil”, explicou ela, que trouxe dados de dentro e fora do país.

Egressos

Pela primeira vez, o Encontro de Egressos do curso, realizado anualmente, também ocorre durante o Seisan. “A ideia foi somar forças. Toda a programação está unida, com egressos participando das discussões a cada momento”, ressalta a professora Potira Morena Souza Benko. A expectativa, ressalta, é “trazer a realidade da profissão para junto desses alunos”, materializando as discussões em casos vividos por colegas que tiveram sua formação na mesma escola. “Temos um corpo de egressos excelente”, finaliza.