Compartilhar, , Google Plus, Pinterest,

Imprimir

Publicado em:

PUC Goiás participa da entrega de 10 mil Bolsas Universitárias

Solenidade no Goiânia Arena reuniu novos contemplados pelo programa do governo estadual, que deve beneficiar 200 mil estudantes até o próximo ano

© by Weslley Cruz

A PUC Goiás participou da solenidade de entrega de 10 mil Bolsas Universitárias a alunos de Instituições de Ensino Superior (IES) goianas, na tarde desta terça-feira, 8. Graduandos de Goiânia e do interior do Estado lotaram o Ginásio Goiânia Arena, onde assinaram o contrato de concessão do benefício e, depois, acompanharam palestra com o filósofo e professor da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Leandro Karnal.

O reitor da PUC Goiás, prof. Wolmir Amado, falou em nome dos dirigentes das 75 instituições cadastradas no Bolsa Universitária.  Ele disse que testemunhou a criação do programa, há 18 anos, época em que o ensino superior enfrentava grandes desafios, sobretudo relacionados à permanência na universidade.

“Poucos programas (como o Bolsa Universitária) existiam no Estado e no Brasil. Era uma novidade extraordinária. Há quase 20 anos tenho acompanhando pessoas que chegaram às portas da universidade e puderam permanecer. Tiveram o direito ao acesso e, principalmente, à permanência”, comemorou.

Aos novos beneficiados, o reitor lembrou a própria trajetória, de origem rural e interiorana, para incentivar os universitários a aproveitarem a oportunidade. “Vamos fazer jus a essa bolsa, a esse curso, abraçá-lo com força. Esse é um recurso que vai ajuda-los no seu crescimento, na sua emancipação, na sua história de vida”, declarou.

Investimento em formação

Neste semestre, foram ofertadas 9 mil bolsas parciais e mil integrais.  Ao todo, estudantes de 224 municípios goianos são beneficiados e 1.200 entidades parceiras recebem os alunos para o cumprimento da contrapartida.

Desde 1999, quando foi criado pela Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), o Bolsa Universitária atendeu 180 mil estudantes. Durante a solenidade, o governador Marconi Perillo anunciou a abertura das inscrições do programa na sexta-feira, 11. As vagas são para o próximo semestre, quando outras 10 mil bolsas serão ofertadas. Segundo ele, a meta é chegar a 200 mil até o final de 2018.

“Não há nada mais importante do que investir na formação superior, na capacidade humana. É com a formação que o filho do pobre, do trabalhador, tem condições de competir com alguém com melhores condições financeiras”, analisou, citando ainda que o fomento “ao desenvolvimento científico e tecnológico” proporcionado pela iniciativa da OVG.

A presidente de honra da OVG, a primeira-dama Valéria Perillo, parabenizou os contemplados pelo benefício e lembrou que, ao se formarem, os hoje universitários darão retorno ao Estado. “Goiás investe R$ 82 milhões por ano no Bolsa Universitária. É um programa consolidado e reconhecido por toda a sociedade goiana”, frisou.

  • DSC_1477
  • 170808 - bolsa universitária - wc (35)
  • 170810 - enc. bolsa universitária - site- wc
  • 170808 - bolsa universitária - wc (67)
  • DSC_1342
  • DSC_1428
  • DSC_1358
  • DSC_1484
  • DSC_1346
  • DSC_1481
  • DSC_1372
  • DSC_1489
  • 170808 - bolsa universitária - wc (19)
  • DSC_1503
  • 170808 - bolsa universitária - wc (16)
  • DSC_1771
  • 170808 - bolsa universitária - wc (11)
  • 170808 - bolsa universitária - wc (79)
  • 170808 - bolsa universitária - wc (125)
  • DSC_1522
  • DSC_1827
  • DSC_1567
  • DSC_1797

Fotos: Weslley Cruz