Compartilhar, , Google Plus, Pinterest,

Imprimir

Publicado em:

Momento cultural encerra comemoração

Curso de Arqueologia da universidade completou 10 anos em 2016; celebrações ocorreram desde abril

Apresentações artísticas encerram as comemorações da primeira década do curso de Arqueologia da PUC Goiás, na noite desta quarta-feira, 30. Com música e poesia, o evento ocorreu no Centro Cultural Jesco Puttkamer, no Setor Bueno. Estudantes e de seus familiares, além de professores da instituição e da Coordenação de Arte e Cultura (CAC), marcaram presença.

Diretora do Instituto Goiano de Pré-História e Antropologia (IGPA), profa. Eliane Lopes, explica que a celebração dos dez anos da graduação começou em abril. Na ocasião, foi lançado um selo comemorativo, em cerimônia realizada durante a Semana dos Povos Indígenas e a V Jornada da Arqueologia do Cerrado.

“Ao longo do ano, fizemos várias atividades que envolvem a docência, a pesquisa e a extensão”, diz, informando que o projeto teve o apoio da Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação (Prope) e Fundação Aroeira.

Coordenadora da graduação, a profa. Loriza Dantas, faz um balanço positivo do ano comemorativo. Ela destaca que o curso ofertado pela PUC Goiás traz uma contribuição importante para a sociedade brasileira. “A graduação é responsável por colocar tanto na vida acadêmica quanto no mercado de trabalho importantes profissionais que contribuem com a pesquisa arqueológica”, expressa.

Aluna do segundo período, Érica de Souza Rocha, 18 anos, ingressou na universidade justamente no ano em que o curso completa 10 anos. Morando em Goiás há três – antes vivia no Maranhão – a jovem viu na estadia em Goiânia a chance de cursar a graduação que sempre quis.

“Desde criança, gostava de Arqueologia, mas depois fui sendo desestimulada pelas pessoas. Em Goiânia, resolvi cursar”, conta ela, que se diz feliz com a escolha. “Com as comemorações dos dez anos, acho que conseguir conhecer melhor a história do curso”, afirma.

Ano comemorativo

Entre as atividades realizadas ao longo de 2016, uma palestra com o presidente da Sociedade de Arqueologia Brasileira (SAB), Flávio Calippo, que refletiu sobre a inserção do arqueólogo no mercado de trabalho.

“Também trabalhamos a questão da sustentabilidade, com evento sobre arqueologia, meio ambiente e patrimônio, em que os pais também participaram, porque estávamos buscando esclarecer o que é a profissão”, explica a diretora do IGPA. Ela destaca ainda a participação no II Congresso de Ciência e Tecnologia, em outubro, com participação de debates, mesas-redondas e apresentações de trabalho.

Campo de atuação

O Centro Cultural Jesco Puttkamer é também um campo de atuação para os estudantes de Arqueologia da PUC Goiás, como explica a sua diretora, profa. Mariza Oliveira Barbosa. “Aqui é uma área de extensão, onde eles fazem um trabalho como monitores, atendendo o publico e atuando na montagem, seleção e pesquisa dos temas para as oficinas ludopedagógicas, além de sua ministração. Nesses 10 anos, os alunos sempre estiveram aqui presentes”, explica.

Ingressante em 2016/1, Milena Alves, 18, é monitora do espaço. Para atuar no Centro Cultural, realizou diversas leituras que só entraria em contato nos próximos períodos do curso. “Isso contribui muito para minha formação. As comemorações do aniversário também ajudam em uma divulgação maior da Arqueologia”, opina.

  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-28
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-1
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-5
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-7
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-9
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-12
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-13
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-19
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-22
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-56
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-4
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-34
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-38
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-40
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-41
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-48
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-49
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-52
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-54
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-58
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-61
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-62
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-64
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-68
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-73
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-77
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-80
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-87
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-90
  • 161130-10-anos-arqueologia-wc-site

Fotos: Weslley Cruz