Compartilhar, , Google Plus, Pinterest,

Imprimir

Publicado em:

Proex conta com nova sede no Setor Universitário

Espaço resgata história da universidade, fundada pelos padres jesuítas e, ao mesmo tempo, abriga os projetos de ação social voltados à comunidade

© by Weslley Cruz

Uma casa com significado simbólico especial: no passado morada dos padres jesuítas que foram os primeiros gestores da universidade há, exatos, 60 anos, a antiga sede da Casa da Juventude (Caju), como era conhecida pela comunidade goianiense, situada à 11ª Avenida, no Setor Universitário, agora é sede da Pró- Reitoria de Extensão e Apoio Estudantil (Proex) da PUC Goiás, unidade da gestão responsável pelos programas de assistência estudantil, além de oferecer projetos e cursos gratuitos de arte, cultura e ação social à sociedade.

Para apresentar à comunidade acadêmica o novo espaço, a Reitoria da universidade promoveu na manhã desta quarta-feira,23, na nova sede da Proex, uma solenidade de inauguração das novas instalações, acompanhada de um momento de benção da Capela Santo Inácio, construída no local em memória ao padroeiro dos padres jesuítas e fundador da Companhia de Jesus e, também, do Memorial Pe. Luis Palacín, religioso que se dedicou ao estudo da História de Goiás e Tocantins.

“Muitas gerações de jovens aqui passaram, participando de cursos de capacitação e/ou profissionalizantes… Agora nós, com muita alegria, assumimos esta casa, que foi incorporada à universidade e a ela passa a integrar, aglutinar e abrigar os programas e projetos de ação social. Aqui vão conviver, aprender e crescer crianças e adolescentes, jovens, idosos, as pessoas das periferias, então todo o trabalho social que a universidade fizer será aqui nesta casa”, informou o reitor da PUC Goiás, prof. Wolmir Amado, durante a solenidade de inauguração da sede.

Todas essas atividades marcaram a programação do Jubileu de Diamante da PUC Goiás, que no último dia 17 de outubro, celebrou 60 anos de história e de compromisso com a educação. O arcebispo metropolitano, dom Washington Cruz, que conduziu a benção nas novas instalações, fez uma reflexão sobre o que a ação social universitária simboliza para a igreja católica. “Que Deus abençoe todos aqueles que aqui vão atuar como professores, funcionários, gestores e todos os alunos, evidentemente, que são a peça mais importante de uma instituição como essa. Se é importante a graduação, o mestrado, o doutorado, mais relevante ainda é a extensão, porque é um trabalho capilar que vai ao encontro das pessoas que têm menos possibilidades de uma formação mais completa”, refletiu o arcebispo.

Anfitriã da casa, a pró-reitora de Extensão e Apoio Estudantil da PUC, profa. Márcia de Alencar Santana, refletiu sobre a essência da identidade institucional da universidade, que está intrinsecamente ligada ao trabalho comunitário. Para a gestora, o novo espaço é uma vitória para a universidade que, neste momento, mostra às outras instituições de ensino superior de todo o País que é possível oferecer um ensino de excelência, com apoio e incentivo à pesquisa e, ao mesmo tempo, acreditar e fomentar a extensão.

“ Esta inauguração reforça sobremaneira o compromisso da PUC Goiás , da Arquidiocese de Goiânia e da nossa mantenedora, o compromisso com as camadas mais desassistidas, porque ninguém tem uma sede como esta. É um fato inédito na história deste país, porque no ensino superior brasileiro a extensão é realizada de maneira muito tímida. E sempre a fizemos de forma muito arrojada, ousada, corajosa, porque nossa natureza institucional assim permite e assim exige”, refletiu.

Marcos da gestão

Na ocasião, o prof. Wolmir também lançou seu novo livro, intitulado Cartas do Reitor, que reúne cartas encaminhadas aos estudantes, professores e funcionários da PUC Goiás durante 17 anos de gestão. A obra traz um levantamento dos desafios vivenciados pela universidade e, ao mesmo tempo, uma visão prospectiva, de projeção de futuro.

Além da equipe de vice-reitoria e pró-reitores, professores, funcionários, estudantes e egressos da PUC Goiás, prestigiaram a solenidade os bispos auxiliares de Goiânia, dom Levi Bonatto e dom Moacir Arantes; o reitor da PUC Rio, padre jesuíta Josafá Carlos Siqueira e o padre jesuíta Thierry Linard de Guertechin.